Aviso: Utilizamos dados pessoais, cookies e tecnologias semelhantes de acordo com nossos Termos de Uso e Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

BNDES - Agência de Notícias

18:06 23 de June de 2024

Por: Agência BNDES de Notícias

Publicação:15:52 08/06/2024 |INSTITUCIONAL

Ultima atualização: 11:43 11/06/2024

Gabriel Souza - BNDES / Divulgação

“Economia do futuro é uma economia inovadora”, diz Mercadante em fórum no Guarujá

  • Durante a participação no painel que discutiu o futuro da economia no Brasil, presidente do BNDES homenageou a economista Maria da Conceição Tavares

O futuro da economia brasileira é transformar o Brasil numa grande nação, com inovação, defendeu o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Aloizio Mercadante, durante a participação, no Fórum Esfera - Conexões para discutir o Brasil, realizado no Guarujá (SP), neste sábado, 8.

“A economia do futuro é uma economia inovadora”, disse o presidente da instituição, ao destacar que o BNDES está financiando projetos inovadores, de digitalização, por exemplo, com custo baixo (TR), e tem recebido grande demanda. A afirmação ocorreu no painel “O Futuro da Economia no Brasil”, que contou com as presenças do secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Dario Durigan, do presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, do presidente do BTG Pactual, André Esteves, do sócio-fundador do MRV, Rubens Menin, e do acionista do Grupo J&F, Wesley Batista.

WhatsApp Image 2024-06-08 at 13.58.32

Mercadante também defendeu que o país precisa construir uma agenda comum de desenvolvimento, de investimento e de crescimento. “Vamos parar de falar mal do Brasil”, reforçou. “Vamos escolher o Brasil. Nós temos que passar para fora: ‘escolha o Brasil’. O único risco verdadeiro que o Brasil tem é os caras virem para cá e não quererem mais ir embora.”

Segundo ele, o país está num momento extremamente favorável, com desemprego mais baixo dos últimos dez anos e aumento da renda média do trabalhador. “Esse país vai liderar a transição energética, a sustentabilidade e os extremos climáticos estão convocando o Brasil a ter um papel protagonista e decisivo”, disse ele, que destacou a presença do BNDES no apoio a empresas e produtores rurais do Rio Grande do Sul tanto na forte estiagem e nas chuvas de setembro no ano passado quanto agora.

Maria da Conceição Tavares - No encerramento de sua participação, o presidente do BNDES fez uma homenagem à economista Maria da Conceição Tavares, que faleceu neste sábado. Mercadante lembrou dos anos de trabalho e parceria e da grande contribuição da economista para o país. “Ela defendia o Brasil tanto, muito mais de muita gente que nasceu aqui”, disse, destacando a integridade e a coragem intelectual da economista.

Em março deste ano, a economista havia sido homenageada em evento comemorativo ao Dia Internacional das Mulheres, na sede do BNDES, no Rio: https://agenciadenoticias.bndes.gov.br/detalhe/noticia/Em-evento-pela-igualdade-de-genero-BNDES-homenageia-professora-Maria-da-Conceicao-Tavares/



WhatsApp Image 2024-06-08 at 13.58.30 (2)