Aviso: Utilizamos dados pessoais, cookies e tecnologias semelhantes de acordo com nossos Termos de Uso e Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

BNDES - Agência de Notícias

18:26 23 de June de 2024

Por: Agência BNDES de Notícias

Publicação:11:20 05/02/2024 |INOVAÇÃO

Ultima atualização: 12:03 05/02/2024

Divulgação: Volkswagen

BNDES apoia pesquisa e desenvolvimento de veículos híbridos e elétricos da Volkswagen

Projeto de pesquisa e desenvolvimento de tecnologias para veículos híbridos/flex e eletrificados no país tem apoio de R$ 500 milhões do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) no âmbito do Programa BNDES Mais Inovação.

Com custo financeiro em taxa referencial (TR), o financiamento está alinhado com a Nova Indústria Brasil, que tem como um dos seus objetivos o desenvolvimento de sistemas de mobilidade sustentáveis, que darão protagonismo a empresas brasileiras no mercado doméstico e internacional.

“O objetivo desse projeto é desenvolver novas tecnologias que contribuam para a descarbonização e a redução da emissão de poluentes de CO2 da frota nacional, alinhados à sustentabilidade, à eficiência e à transição enérgica para os próximos anos. Esse é o caminho para o desenvolvimento de uma indústria mais verde e inovadora que queremos alcançar com o Plano Mais Produção e é uma agenda prioritária para o governo do Presidente Lula”, explicou o presidente do BNDES, Aloizio Mercadante.

“A parceria da Volkswagen do Brasil com o BNDES é mais uma etapa importante no compromisso da nossa marca em ampliar os seus projetos de pesquisa e inovação nas atividades relacionadas ao desenvolvimento de veículos eletrificados, com foco na descarbonização e na mobilidade sustentável”, afirma Ciro Possobom, CEO da Volkswagen do Brasil.

Serão desenvolvidos estudos e pesquisas para a concepção de uma plataforma para veículos híbridos/flex que inclui o desenvolvimento de um motor flex, uma transmissão híbrida, um sistema de alta voltagem e, ainda, estudos de veículos 100% elétricos no cenário nacional.

O projeto também prevê o estudo dos impactos nas emissões poluentes e CO2 no contexto de veículos híbridos/flex com uso de etanol e elétricos, e a capacitação do pessoal envolvido em tecnologias de testes e de simulações computacionais.

Novo ciclo de investimentos - “Eu fico extremamente feliz de vir à Volkswagen ouvir o anúncio de um investimento de R$ 16 bilhões até 2028. Mas não é só a Volkswagen, o setor automotivo do país está anunciando R$ 41 bilhões em investimentos porque as pessoas voltaram a acreditar nesse país”, afirmou o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, durante a cerimônia de anúncio do novo ciclo de investimentos da empresa, na sede da montadora em São Bernardo do Campo (SP), na última sexta-feira, 2.

 

d3d7f1f2-2b2f-44a2-80d6-7c200452bc6dRicardo Stuckert / PR

 

“Esse é o maior investimento pós-pandemia de uma montadora no país. É um investimento que reforça a confiança da nossa marca no Brasil, o respeito pelos nossos colaboradores e a nossa excelente relação com os sindicatos”, destacou Possobom. 

O executivo agradeceu ao BNDES pela parceria no financiamento dos projetos inovadores e sustentáveis da marca e comemorou os resultados obtidos pela empresa. “Em 2023, fomos a marca que mais cresceu no país em vendas. O Polo foi o carro de passeio mais vendido do Brasil, com mais de 111 mil unidades comercializadas”, afirmou.

 

Divulgação VW