BNDES - Agência de Notícias

Thu Jul 02 04:28:17 UTC 2020 Thu Jul 02 04:28:17 UTC 2020

Por: Agência BNDES de Notícias

Publicação:11:22 09/06/2020 |SAÚDE

Ultima atualização: 11:30 09/06/2020

Divulgação/UNICEF
"Parceria aumentará impacto da iniciativa", diz Júlio Leite, do BNDES

• Apoio de Arteris, CGN, EDF Renewables, Grupo Solví, Gemini Energy e Omega Energia garantirá suprimentos e kits de higiene a 121 mil pessoas em 8 capitais

• Recursos são da linha de Investimentos Sociais de Empresas do BNDES, que estimula clientes a ampliar responsabilidade social, superando obrigações legais

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) estabeleceu uma parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e alguns dos seus clientes para destinar recursos a projeto de prevenção da COVID-19 junto a famílias vulneráveis em oito capitais brasileiras. 

As empresas Arteris, CGN, EDF Renewables, Essencis e Termoverde (Grupo Solví), Gemini Energy e Omega Energia destinaram ao UNICEF Brasil R$ 6 milhões que haviam contratado com o BNDES por meio da linha de Investimentos Sociais de Empresas (ISE). 

Essa linha, cujo objetivo é ampliar a responsabilidade social das empresas, oferece condições financeiras atraentes, estimulando os clientes do Banco a irem além das meras obrigações ambientais e sociais previstas em legislação.

O recurso será utilizado pelo UNICEF para a compra e distribuição de cestas básicas e kits com suprimentos fundamentais de higiene — sabonete, detergente líquido, álcool-gel e água sanitária — que atenderão a aproximadamente 121 mil pessoas em 8 capitais brasileiras: São Paulo, Rio de Janeiro, Fortaleza, Salvador, Recife, São Luís, Belém e Manaus. 

“Frente ao avanço da COVID-19, incentivamos as empresas a realizarem ações relacionadas à mitigação dos impactos da pandemia. Algumas delas demonstraram interesse em apoiar o projeto emergencial do UNICEF, utilizando recursos já contratados junto ao Banco para aumentar de forma relevante a quantidade de pessoas atendidas e, portanto, a eficácia e o impacto da iniciativa”, explicou o superintendente da Área de Gestão Pública e Socioambiental do BNDES, Júlio Leite.

Em cada cidade beneficiada, o Fundo será o responsável pela compra dos itens de higiene e saúde em comércios locais, favorecendo a economia e desenvolvimento da região, e pela distribuição dos kits para as famílias nas comunidades, com o apoio de parceiros de cada município.

Como parte da conscientização sobre os cuidados necessários nesse momento de pandemia, o UNICEF também distribuirá, juntamente com os kits, folhetos com informações sobre como se proteger da COVID-19 e cuidar da saúde e do bem-estar das famílias, em especial de crianças e adolescentes.

“Em meio a essa crise, precisamos continuar respeitando e garantindo os direitos de meninas e meninos brasileiros e de suas famílias. Queremos mitigar os impactos da COVID-19 na vida de crianças e adolescentes e proteger, em especial, aquelas populações mais vulneráveis”, destacou o representante do UNICEF Brasil, Florence Bauer.