Aviso: Utilizamos dados pessoais, cookies e tecnologias semelhantes de acordo com nossos Termos de Uso e Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

BNDES - Agência de Notícias

21:06 20 de May de 2022

Blog do Desenvolvimento

Mobilidade urbana une questão ambiental à qualidade de vida nas cidades

 

No terceiro estudo da série #Por um futuro sustentável, são analisados os diversos efeitos positivos do investimento em mobilidade urbana, tema que conecta a agenda ambiental ao cotidiano das grandes cidades. 

 

O setor de transportes é responsável por 13% das emissões líquidas de CO2 no Brasil, sendo que o transporte motorizado individual tem peso significativo (de 77%) dentro da atividade voltada a passageiros. Assim, investir em projetos de mobilidade urbana é fundamental para reduzir as emissões de gases de efeito estufa e a poluição sonora e atmosférica, mas também para diminuir acidentes, gerar empregos e melhorar a qualidade de vida da população.

mobilidade_capa_icone 

O BNDES é um importante parceiro nessa agenda, com desembolsos que totalizam cerca de R$ 30,5 bilhões a projetos de mobilidade urbana de alta e média capacidades, no período de 2000 a 2020. Essa atuação inclui, mais recentemente, o apoio ao VLT e BRT do Rio de Janeiro, ao BRT de Sorocaba (SP) e ao metrô de Salvador (BA), que representam juntos emissões evitadas de cerca de 3,5 milhões de toneladas de CO2 equivalentes.

 

Baixe o estudo completo e saiba mais sobre como o BNDES vem trabalhando por um futuro sustentável

 

Acesse também a versão em inglês

   

Conteúdos relacionados

 

Reflorestamento contribui diretamente para captura de carbono e biodiversidade

 

Estudo destaca papel das energias renováveis na agenda do clima

 

Sustentabilidade: infográfico apresenta uma breve história do conceito

 

Efeitos socioeconômicos de projetos de mobilidade urbana na cidade do Rio de Janeiro

 

 

 

 

 

*campo obrigatório